Transplante de córnea

As boas condições de transparência e de curvatura da córnea são fundamentais para a visão. Existem doenças e acidentes que podem comprometer estas condições, trazendo importantes deficiências visuais, a ponto do transplante de córnea ser a única possibilidade de recuperação de visão satisfatória.

No transplante de córnea o cirurgião substitui a porção alterada da córnea doente por uma porção equivalente de córnea sadia obtida de doador.

Os transplantes de córnea podem ser de espessura total ou parcial. Se a causa da deficiência visual estiver restrita apenas às camadas mais anteriores ou mais posteriores da córnea, pode ser possível o transplante de espessura parcial. Nos casos em que estão comprometidas várias camadas da córnea, ou em que a anatomia do olho for desfavorável, os transplantes de espessura total, nos quais toda a espessura da córnea doente é substituída, são a abordagem mais indicada.

Procedimento de transplante de córnea.